segunda-feira, 23 de dezembro de 2013


O Natal faz com que procuremos nossas origens e casulos mais secretos.É uma das poucas datas, que percebemos que necessitamos de proteção, por mais dinheiro que tenhamos na conta, por mais amigos que façamos durante o ano ou por mais momentos que possamos desfrutar da liberdade e vaidade de nos sentirmos únicos.Sem amor,não há motivo para se sentir especial.O Natal traz amor! 

Feliz Natal à todos vocês que me fazem e me querem bem e que proporcionam eu sorrir com vontade, numa forma de carinho e agradecimento.Vocês estão nas minhas orações de cada manhã!

Felipe Lucchesi

sábado, 16 de novembro de 2013

Um porto para Elizabeth Bishop-O show de Regina Braga

"Um porto para Elizabeth Bishop" é um monólogo no qual a estrela maior é Regina Braga.Se pensa que ficará sentado na poltrona por longos minutos que parecerão que está assistindo uma palestra, se enganou! A atriz Regina Braga atua de uma maneira tão marcante, colocando em destaque cada palavra dita, que dá até vontade de levar um caderninho para anotar todas as suas frases perfeitas.Para quem já baba nos trabalhos dela na tv,conhecer sua atuação no teatro será um privilégio.

Felipe Lucchesi

domingo, 3 de novembro de 2013

O Mordomo da Casa Branca serve cultura e emoção

  O filme:"O Mordomo da Casa Branca" estreia com um quê de documentário e ficção emotiva.A história da luta dos negros pelos seus direitos e o grande preconceito que enfrentaram e continuam enfrentando até os dias atuais, é exposta nessa trama com atores excelentes.
 Quem for ver, se encantará com a participação inusitada de Oprah Winfrey, que estende o seu talento de programas de auditório para a atuação nas telonas dos cinemas.
  O fato é que a luta é única e todos nós nos emocionamos no final das contas.

Felipe Lucchesi

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

A música e as lágrimas

Segurei hoje as lágrimas que sempre derramo ao ver o filme:"Central do Brasil".A música final me remete aos momentos preciosos que vivi e pessoas encantadoras que encontrei e me faz querer mais e mais faz querer viver mais! Uma simples cena é capaz de ser insubstituível para a nossa vida que parece ser tão complexa!

Felipe Lucchesi

domingo, 20 de outubro de 2013

Os suspeitos-O filme que merece um Oscar

   O filme:"Os suspeitos" poderia ser apenas mais um com uma boa ação de marketing que despertasse a curiosidade de muitas pessoas.Ele pode ser isso, mas é muito mais!
   No dia da estreia do filme,lá estava eu com minha pipoca,ingresso nas mãos e minha curiosidade declarada, para ver aquela história que havia despertado meu fanatismo por filmes de suspense, ao ver um pequeno trecho do filme na internet.
   Os atores são ótimos, a fotografia é perfeita e a trilha sonora é bem escolhida.Depois de todos esses itens se encaixarem o mínimo que sobra, é do roteiro ser incrível, e é!
   É impossível dormir durante a sua exibição,até porque cada detalhe é imprescindível para a descoberta do verdadeiro criminoso.
   Nunca fiquei tão ansioso vendo um filme! Para ter ideia, a plateia se remexe na cadeira, grita e se revolta em muitas cenas.Um senhor que estava na sessão que fui, não aguentou tal impacto e saiu pelas portas da saída de emergência.
  Preparado?
  Vá para alguma sala de cinema e veja esse filme que para mim, merece um Oscar!

Felipe Lucchesi

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Peça:"Memória Roubada" e seus 90 minutos de encanto


Poucas peças conseguiram me emocionar e posso afirmar com todas as palavras que "Memória Roubada" foi uma delas.
A simplicidade da história faz uma harmoniosa sincronia com a grandiosidade do espetáculo de performances,luzes, sons e vídeos que entram em cena juntamente com a ótima atuação dos artistas.
Atores e atrizes encantam os espectadores pela delicadeza  que atribuem às cenas, através das expressões corporais.
Tendo texto e direção de Mark Bromilow(responsável pela direção artística de nada menos e nada mais que "Cirque du Soleil"), a peça mostra o quanto os atores devem ser versáteis, para dessa forma, ampliarem as diversas linguagens que o teatro pode explorar.
Quem estiver em São Paulo durante essa temporada, não perca! Recomendadíssimo!

de 11/10 a 3/11
texto e direção: Mark Bromilow - elenco: Bel Mucci, Bruno Rudolf, Natalia Presser, Ricardo Rodrigues e Ziza Brisola
Drama. (90min, 16 anos)
Sextas e sábados, às 21h; domingos, às 20h - Ingressos: R$20,00 (a bilheteria abre duas horas antes do início do espetáculo) - preço popular: R$3,00 (somente no dia 18/10) - Sala Jardel Filho (321 lugares) Centro Cultural Vergueiro
aviso Não haverá sessão no dia 1º/11


Felipe Lucchesi


quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Minhas Aspas

Há quem utilize as pessoas como esmola para a própria auto estima,para a auto afirmação.Acorrentado está o dependente dessa esmola e não quem a oferece por gentileza ou...pena.

Felipe Lucchesi

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Vivemos colhendo migalhas de sentimentos e duvidando de todos que nos são dados.Somos cachorros uns dos outros,à espera de um dono fiel e carinhoso que não chega ou de um transeunte que nos acolha.

Felipe Lucchesi

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

A condenação do mau humor


Mau humor deveria ser motivo de vergonha! 
Sim, ainda mais aqueles sem motivo aparente e que servem apenas por preguiça de ser gentil por um momento ou pior, durante o dia todo.Aviso logo de cara quando estou de mau humor, porque tratar alguém mal e culpar depois o mau humor é mero comodismo e extremo egoísmo. 

#sejamosotimistas

Felipe Lucchesi

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Inauguração

Sempre tive um envolvimento muito grande com literatura e por conta disso resolvi fazer um blog voltado para um vício meu:ler. 
http://descobrilendo.blogspot.com/



Felipe Lucchesi

domingo, 7 de julho de 2013

.


Sempre tive receio de ser definido como melhor em algo,porque junto com esse rótulo, fica a responsabilidade obrigatória de tentar acertar sempre e a expectativa das pessoas de não aceitarem da melhor maneira, o nosso erro.

Felipe Lucchesi

sábado, 6 de julho de 2013

Personagens da minha mente


Ler um livro em voz alta me dá a satisfatória ilusão de narrar a história de um personagem que pode existir na vida real,daí a vida assim parece ser menos pacata, comparada aquela que lidamos fora da nossa mente.

Felipe Lucchesi

sexta-feira, 5 de julho de 2013

Fama



Acompanhando um documentário sobre a vida do Michael Jackson surge em mim um sentimento de pena desse e de tantos artistas que sofrem com o sucesso, são reféns do próprio talento.A fama é ótima até o momento que o artista se depara apenas com uma escuridão de quarto de hotel ou mansão e seus pensamentos solitários.Não há multidão que acolha essa solidão.

Felipe Lucchesi

quarta-feira, 3 de julho de 2013

Dúvidas e Pensamentos




Será que gostamos das pessoas certas ou das que temos oportunidade de conhecer?São milhões de pessoas pelo mundo, por que quem nos fará bem tem que estar justamente na cidade que moramos? Será que o amor acontece naturalmente ou é investido por necessidade?

Felipe Lucchesi  

sexta-feira, 21 de junho de 2013

Cura Gay?

Quem defende a cura gay ou qualquer tipo de preconceito, esconde os preconceitos que sofre diariamente e que talvez não perceba,afinal,morar numa região pobre,ser obeso, ser magro demais,ser inteligente demais ou tendo muita dificuldade para aprender,são apenas alguns dos vários problemas que alguém pode ter e que fazem enfrentar uma guerra diária.
Todos são vítimas de alguma forma, mas ser culpado é questão de escolha!
E aí, qual o motivo da sua guerra diária?


Felipe Lucchesi

terça-feira, 18 de junho de 2013

Recado ao Ronaldo "Fenômeno"




Ronaldo, você pediu para a população escolher entre estádios para a copa ou hospitais.Evidente que independente da escolha que façamos, a sua saúde não será afetada, pois mergulhado em dinheiro como você está, é distante a realidade das péssimas condições de atendimento que mais da metade da população enfrenta nos hospitais espalhados pelo Brasil.O viés do seu depoimento foi infeliz,irresponsável e egoísta!

Felipe Lucchesi

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Manifestações acabarão e outras causas surgirão



As manifestações contra o reajuste da tarifa de ônibus ocorrem em estado de alerta e expõem baderneiros infiltrados à cidadãos que combatem à uma causa justa e necessária e por outro lado, uma polícia comandada por extremistas no poder, generalizando tudo e todos.
As pessoas estão cansadas da impunidade fazer parte da vida diária e desse país que avança para assuntos futebolísticos mas que ao mesmo tempo, regride para assuntos humanitários.

Felipe Lucchesi   

domingo, 9 de junho de 2013