sábado, 30 de janeiro de 2010

Chuva e mais chuva!

A chuva constante que insiste em cair em São Paulo, parece não haver prazo para terminar de desabar suas águas. Enquanto isso, pessoas são ilhadas em suas próprias casas, sem perdas e muito menos ganhos, porque perder, já perderam tudo e ganhar, não ganham mais nada se não desculpas esfarrapadas de políticos e promessas não cumpridas de outros políticos.Todos se rendem aos céus e pedem ajuda, essa sendo agora, a única solução.

Felipe Lucchesi

4 comentários:

Danilo Moreira disse...

Dose é quando acontece o que aconteceu no jardim Romano, onde o sub prefeitor chegou até a afirmar que a culpa era deles pois la era loetamento clandestino e invadido. Ele quebrou a cara quando os moradores mostraram o IPTU que pagam e as escrituras.

E tudo vai sendo empurrado com a barriga.

Abçs!!

Edson Costa disse...

Na verdade eu estou bem longe... Mas em Salvador também há muitos alagamentos. A situação aqui na Bahia é na verdade o oposto: a secxa aqui está muito severa. Esse Brasil é mesmo uma loucura: enchente de um lado e seca do outro. Pena que nossos governantes são todos iguais: uns inúteis!

xBrunox disse...

É o "preço do progresso"; quando feito de forma desregrada e desorganizada, infelizmente acaba gerando problemas como esses: é a natureza tomando de volta seu lugar de direito. Ou as autoridades começam a tomar providências de forma urgente (e a população passar a ter consciência de preservação do meio em que vivem), ou se preparem, porque a tendência, infelizmente, é piorar.

Cara, saudades enormes de comentar aqui! Tô voltando à atividade, hein? Hahahaha!

Abração!

RodrigO [PortugA] disse...

Realmente, cachorro tá bebendo agua em pé ultimamente...