quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Adeus 2009

Sempre considerei o "adeus" uma despedida sem volta. Apenas dizendo o tal "adeus" é que poderia me despedir da melhor forma do ano de 2009, que nunca mais o reencontrarei, a não ser nas minhas lembranças.
2009 para mim foi um ótimo ano!
Descobri muito mais sobre mim e muito mais sobre as pessoas, sobre o ser humano.
Agradeço todos os dias a Deus e a todos aqueles que queiram me ouvir, por todas as oportunidades que tenho diariamente, desde uma boa pessoa ao meu lado, até a realização de um sonho.
Você pediu durante todo esse ano...Aposto! Agradecer...lembrou de fazer isso? Você pode até ter tido muitos motivos para pedir(momentos ruins todos nós passamos) mas tenho certeza que nunca faltou um motivo apenas para agradecer.
Todo fim de ano que chega, a esperança e ansiedade por um novo ano se recicla. Já percebeu isso?
O Natal pode até ser muito especial, mas considero o Ano Novo uma reciclagem que todos nós temos que passar, sentimos essa necessidade. Um sentimento que poderia ser comparado a uma viagem para outro mundo, melhor ou pior quem sabe, mas outro...Preferimos não pensar sobre isso através desse lado "incerto". Pensamos e depositamos todas as nossas energias nesse novo ano que se aproxima e que junto dele se aproxima desde a felicidade com um sorriso intenso, até uma lágrima que não cicatriza feridas. Vivemos e sobrevivemos dessa forma durante cada ano que passa por nós...
Venha querido ano novo velho e repetido com repetições esperadas e ao mesmo tempo imprevistas!
Venha!
Podemos nos cansar da vida mas não de vivermos!

Feliz 2010 para todos!


Felipe Lucchesi

domingo, 15 de novembro de 2009

Os Filósofos me contaram...

No fundo, em alguns casos, bem no fundo mesmo, no fundo até daquelas pessoas que acham que nada têm...todos nós somos um pouco filósofos.
Mergulhado nessa "cultura alternativa", me encontrei descrente de muitas coisas, muitas pessoas e um tanto despudorado para enfrentar certas situações, que para quem segue uma vida de regras, rotina, etc, seria quase uma terapia alternativa a ser seguida. Eu sou obrigado a seguir regras, rotina, mas as sigo, contrariando-as a todo tempo e me fazendo contrariar muitas vezes. O que será que um filósofo faria no meu lugar? Mas eu mesmo no começo desse texto não havia dito que todos nós somos um pouco filósofos? O detalhe definitivamente faz a diferença...disse apenas "um pouco".
Hoje em dia não há filósofos na prática, há filósofos na teoria e revoltados na prática, que bem de longe, podem ser considerados um pouco além que meros filósofos.
Até mesmo os filósofos hoje em dia são vítimas disso que carregamos todos os dias, (ou ela nos carrega?), que se chama: vida.
A vida em si não é uma novela mexicana mas devo lhe contar que todos nós somos vítimas no contexto geral.
Achamos que sabemos de onde viemos, achamos que sabemos quem somos e tentamos achar algo sobre para onde iremos.
A verdade é que não sabemos de nada e para não nos sentirmos perdidos e abandonados num mundo estranho e muito "mágico", determinamos algo uma "verdade universal", que passa a ser o "alimento de cada ser humano para seguir em frente" ou a saída de cada ser humano" para fugir das regras sempre que pode, porque afinal, será que tudo isso realmente vale a pena para uma realidade que na verdade nem conhecemos?"


Felipe Lucchesi

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Precunsseitu Lenguisteco- Ossê têm?

Fui ao encontro do linguista e linguarudo Marcos Bagno quando li seu livro:"Preconceito Linguístico". O livro é um tapa na cara da sociedade e de muitos gramáticos que se consideram "superiores" por conhecerem "perfeitamente" a língua portuguesa, colocando o restante das pessoas, como mera massa que tenta "acertar" o idioma. O autor não poupa ninguém quando se trata de criticar preconceito linguístico no dia a dia e até mesmo na grande mídia. Ficam na mira dele também assuntos polêmicos como: acordo ortográfico e ensino no Brasil.
Aprendi muito lendo o livro e passei a ter opiniões diferenciadas sobre vários assuntos.Abriu demais a minha mente!
Recomendo à todas as pessoas, sejam elas, linguistas ou não, consumidoras de revistas que saem artigos do professor Pasquale ou simplesmente meras curiosas ou abertas à novas ideias.


Felipe Lucchesi

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Te procuro!

Não sei se sou eu quem corre atrás do tempo
Será que é ele quem corre atrás de mim?
Ambos corremos
Um ao encontro do outro
Até que o desencontro nos encontra
E nunca mais nos encontramos!

Felipe Lucchesi

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

TwitCam- A Bola da Vez!

A agilidade de ideias boas e originais é tamanha que fica quase impossível acompanhar todas as novidades que rodam esse planeta.
A grande novidade que acabo de descobrir se chama:" TwitCam". Me diverti durante alguns minutos com o querido apresentador Celso Portiolli que se manteve ao vivo na webcam, conversando com internautas.
Essa é a oportunidade para outros artistas interagirem de forma agradável com o público e também oportunidade, para várias pessoas, criarem canais de informação e interatividade.
Nem preciso dizer que já estou agilizando a minha participação nessa mais nova ferramenta de entretenimento.
Me aguardem!
Felipe Lucchesi

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Última Carta

Oi! Dizem que um tal Felipe Lucchesi ainda mora em São Paulo, continua com os mesmos olhos, quase mesmos amigos, mesmo endereço de Orkut e mudou apenas de endereço de e-mail.
Alguns ainda o procuram, outros apenas pensam no mesmo e outros não o procuram mas pensam em procurá-lo. O motivo pelo qual não é procurado ele sabe mas compreender não compreende. Ele nasceu com o coração na cabeça praticamente. Isso poderia virar uma lenda não é mesmo?
Depois de tanto tempo sem conversarmos, resolvi mandar esse e-mail. Ainda se lembra de mim não é?!
Deveria ter perguntado isso logo no começo do e-mail. Por mais que muitas coisas possam ter mudado, tenho quase certeza que você continua o mesmo. Talvez enganando um pouco seus sentimentos, não conseguindo manter um blog por mais de seis meses e entrando online poucas vezes durante o dia. Tenho quase certeza que acertei tudo isso que disse !!!
São quantos anos mesmo de amizade? Sou bom nisso! Espero notícias e respostas suas ou quem sabe, apenas o vento as traga !!!! Você sabe como me achar, basta me procurar!

Abraços!!!


Felipe Lucchesi

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Desabafo

Hoje em dia levo várias questões muito seriamente. Antigamente, era tudo visto como " passageiro" e o "para sempre" parecia muito distante. Quando comecei a perceber que as consequências do "para sempre" estavam causando efeito em mim e na minha vida, é que percebi que já era "adulto".

Felipe Lucchesi

domingo, 12 de julho de 2009

A chuva me fez pensar!


Numa tarde chuvosa enfrento a difícil tarefa de ter que sair de casa. Por mais que deteste sair de casa em dia de chuva, me arrisco na aventura. Caminhando sossegadamente pela calçada com meu singelo guarda-chuva, eis que avisto um ônibus. Essa poderia ser uma visão totalmente normal até então que moro numa cidade grande e meu planeta ainda se chama Terra, porém, tudo isso aconteceu enquanto chovia. O resultado é claro foi um belo "banho de chuva" que o motorista fez questão de me dar, ao passar propositalmente numa poça de água.
Quando acontece uma situação dessas, que mostra a maldade das pessoas pura e cegamente, é que me dou conta o quanto sou importante para o mundo. Pessoas boas estão virando minoria, e grande parte das pessoas está adquirindo uma maldade sem tamanho, limite e "alvo". É aí que penso também (é fato que penso em muitas coisas) que a felicidade é por merecimento e somente por merecimento. Não é todo mundo que nasce para ser feliz e muito menos para amar. Falando em amor, não posso deixar de citar, o tipo de pessoa (que com certeza você já deve ter esbarrado com uma dessas pelo menos uma vez na vida. Se ainda não esbarrou, esbarrará ou você faz parte desse tipo) que quando vê que está com alguém que tudo indica para um caminho com fidelidade, dedicação e amor entre ambas, acaba por escapar da situação terminando o relacionamento, por mais que depois fale para todos que procura um bom e duradouro relacionamento e blá, blá, blá, toda aquela conversa de gente que engana a si mesma apenas.
Será que eu penso, acho e faço demais ou muitos que estão fazendo de menos?

Felipe Lucchesi

terça-feira, 23 de junho de 2009

Jornalista sem diploma é antena sem tv

A decisão radical e não pensada do STF(Supremo Tribunal Federal) de resolver suspender a exigência do diploma para ser exercida a profissão de jornalista causou alarde não somente para os jornalistas como também para toda a população. Será que agora todos nós somos jornalistas? Qual o motivo de tanto alarde?
De acordo com o STF, todos os cidadãos têm liberdade de expressão e o mesmo ainda afirma e considera, que a profissão de jornalista é baseada e sobrevive apenas por esse motivo.
Na minha opinião, liberdade de expressão não deve ser confundida com liberdade de invasão, ou seja, não é pelo fato de eu ter liberdade de expressão que agora posso vir a ser considerado e desempenhar tarefas como: político, jornalista, senador , etc.
O STF se engana ao afirmar que o jornalista tem liberdade de expressão. O jornalista tem como objetivo passar a informação da melhor maneira possível, não se envolvendo com as notícias de forma alguma e principalmente, tendo estudado a história em si que levou até o fato que fez a notícia virar foco das manchetes.
O escritor sim tem uma grande e total liberdade em escrever tudo o que deseja, pensa e acha. Ele não se limita em depositar sua opinião pessoal sobre algum fato, pelo motivo de não estar "gerando uma notícia" e sim, comentando uma notícia que já fora "gerada".
O jornalista se tivesse essa mesma atitude, passaria a notícia de uma forma construída e se distanciando do fato verdadeiro, por já estar sua opinião envolvida, fazendo com que todas as pessoas que acompanham as informações que giram o planeta através dos meios jornalísticos não soubessem das notícias de uma forma pura e concreta, não podendo dessa forma, se envolverem e terem sua própria opinião pessoal, pelo fato da notícia vir com apenas uma visão sobre o caso noticiado.
É preocupante o que talvez estaremos por enfrentar daqui para frente com essa decisão.
Será que o que leremos daqui para frente será uma notícia ou simplesmente um fato misturado com uma opinião de alguém com liberdade de expressão?


Felipe Lucchesi

terça-feira, 16 de junho de 2009

Recicla-se Pessoas

Você ainda fala com todos aqueles amigos que prometeu uma amizade eterna? Tenho quase certeza que não.
Vendo alguns e-mails meus antigos, reparei a quantidade de amigos que há muito tempo atrás eram muito próximos a mim e vice versa e no entanto, hoje em dia estamos muito distantes. Alguns não vejo há anos, outros, não falo há tantos outros anos e ainda há aqueles que " se tiraram do meu caminho" ou eu "os tirei do meu caminho". Resumindo toda essa situação, é da natureza do homem reciclar pessoas. Isso não deve ser motivo de vergonha e nem deve ser considerado desleixo ou maldade. Não temos o controle total das coisas, das pessoas que entram e saem das nossas vidas e principalmente da atitude de cada pessoa para conosco.
Assim como o papel que deteriora, o aparelho de som que vai falhando aos poucos até chegar ao ponto de não tocar nenhuma música e não emitir nenhum som,algumas pessoas sofrem com esse mal e ao invés de evoluírem, acabam por regredirem. As que evoluem seguem adiante, e as que ficam para trás ficam por pouco tempo na vida das próximas que evoluirão.
Hoje em dia tenho minha turma de amigos e talvez amanhã tenha outra turma. Para continuarmos a sermos amigos, tenho certeza que não dependerá apenas de mim e por esse fato, não me sentirei culpado caso nos afastemos. Todos meus amigos sabem meu nome,sobrenome e onde me achar. Qual é o empecilho que pode haver para conseguirem me achar?
Tenho meus defeitos e minhas qualidades. Pedir desculpa é algo que faço sem ter a mínima " vaidade".
Foi quando perdi um colega meu, devido a um acidente de carro, que percebi que deveria dar mais prioridade aos momentos bons com todos e brigar menos e se caso ocorresse algum momento ruim, logo se fizesse o laço da paz novamente. Desde então, não consigo ficar brigado com alguém por muito tempo. Seja por medo do "nunca mais" chegar ao fim e virar realidade ou apenas aproveitar o máximo, da melhor forma, enquanto todos caminhamos para o mesmo "nunca mais",dessa vez, mais feliz e harmônico.


Felipe Lucchesi

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Convite para você

Sabendo a grande quantidade de pessoas que têm vontade de ver uma obra sua publicada num livro, aproveito esse espaço para informar que estou organizando uma Antologia que virará livro, que será vendido pela internet e claro que podendo ser recebido em todas as casas, apartamentos, etc.
Por conta de um convite do escritor Rodrigo Capella, recebi o inesperado e feliz convite de "comandar" essa mais nova Antologia, que será a segunda organizada através de uma comunidade do Orkut:"Dicas para publicar um livro".
Se deseja participar, clique aqui, entre na comunidade e responda o tópico com alguns dados para então eu entrar em contato mais adiante com você. Pronto !!!Fácil não é mesmo?
Te espero por lá !
Felipe Lucchesi

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Me esqueça !

Ele estava com malas prontas,passagem em mãos,no meio do Aeroporto.Havia convidado alguns amigos próximos para se despedirem,antes da viagem,para assim,quem sabe dessa forma,aliviar um pouco a saudade,que teriam que combatê-la,durante os próximos seis meses.
Depois que todos já estavam ao seu redor,tirando fotos,conversando e rindo muito,seu celular tocou e a surpresa veio de imediato.Era um amigo que não via há um ano mais ou menos.Ele o convidara para o encontro,mas apenas por educação e não propriamente por querer vê-lo.O tempo que passaram distantes,fizera ele sentir não mais saudade e sim,uma grande indiferença e distância,que até parecia que nunca tinham se conhecido.
Os motivos pelos quais dois amigos se separam,são vários,mas nesse caso,os dois estavam separados,mais por um problema pessoal consigo mesmo que seu amigo sempre enfrentava e acabava ignorando tudo e todos,que o personagem central da história,já tinha desistido de tentar,porque afinal,ninguém muda nada sozinho,sem a vontade do próximo também querer fazer o mesmo.
Depois de certo tempo,desligado o celular,o amigo surge em sua frente.O silêncio foi tamanho,que o personagem surpreso não conseguia nem ouvir sua própria respiração,dando a impressão,que até ela se surpreendera e se calara.
Os dois ficaram se olhando e os amigos em volta,por fim,resolveram dar uma volta.Os dois de fato precisavam conversar a sós.
Não houve o diálogo tão esperado pelos dois personagens para aquele momento.
O personagem central olhou fixamente para os olhos do amigo e disse:
------Me esqueça !
O amigo em sua frente não esperava tal resposta,por já ter sido perdoado várias vezes.Será que não poderia ter sido mais uma vez?Essa,tinha a certeza que seria a última.
O personagem depois da frase "jogada" em seu amigo,saiu de perto,segurando suas malas pesadas,já em direção ao embarque.Estava muito triste por tudo aquilo estar acontecendo.Gostava muito da amizade,do seu amigo e do quanto tinham conquistado juntos,em alguns anos de amizade.Ao mesmo tempo,sabia que amor e amizade não se compra e não se doa,apenas troca-se.
Depois desse encontro,não se sabe,se os dois amigos voltaram a conversar.Um diante do orgulho em procurar o outro e assumir seus próprios erros e o outro,por estar cansado de perdoar e investir numa amizade,que diante do outro,parecia ser indiferente.
Obs:Essa história foi baseada em um fato que aconteceu comigo.


Felipe Lucchesi

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Doutores da Alegria

Sabe aqueles canais de tv que quase nunca você os visita?Foi exatamente num desses,que me deparei,numa inesperada e breve visita,com o curta metragem dos espetaculares:"Doutores da Alegria".Para quem ainda não os conhece,eu tenho a honra de apresentá-los.
Doutores da Alegria é um grupo de atores profissionais,que há tempos,faz visitas diárias à hospitais,levando alegria com conteúdo,respeito e música.Não há limite de idade para sorrir e rir deles e com eles.
Comecei a admirá-los desde o primeiro momento que os vi na mídia e procurei saber um pouco mais daquilo que todos sabiam.Descobri então que o critério de seleção para esses artistas,é muito rigoroso.A pessoa deve estar muito preparada em todos os setores da sua vida:profissional,pessoal,espiritual,etc.Esses mesmos artistas,passam(mesmo depois de aprovados),pelo menos uma vez por semana,por psicólogos,que os avaliam.
O trabalho de tais doutores é muito difícil e deve ser aplaudido de pé por todos.Não é apenas mais um grupo de palhaços,que tentam distrair crianças e adultos que passam por um momento difícil em relação a saúde.

O Doutores da Alegria é um grupo que leva alegria,reconhecendo tal dificuldade de seus pacientes,mas mostrando-os que a alegria é sempre bem vinda e que é apenas ela,a cura para a tristeza e o estímulo,para mais um sorriso.

Felipe Lucchesi

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Ré-ci-fe

Foi quando pisei naquela terra chamada Recife que percebi o quanto estava feliz e o quanto esperava por vivenciar aquele momento.Logo depois de sair do avião,do vai-e-vem de malas e pessoas,cheguei a um dos meus destinos preferidos:a imensidão azul de água estava me esperando há anos.
Desde que prometi a mim mesmo que conheceria Recife,procurei imaginar esse momento.Ele chegou ! Com os pés descalços,bermuda e camiseta regata,primeiramente olhei fixamente para aquela beleza perfeita e paradisíaca que estava diante dos meus olhos,logo depois,fui ao seu encontro.Sorri ! Era a única coisa que restava a mim,depois de tanto tempo de espera.
Durante a tarde e noite e demais dias,conheci um pouco de todos os lugares interessantes que havia pesquisado e algumas pessoas que conheci de Recife,haviam indicado.
Como em todo povoado,há pessoas simpáticas,antipáticas,legais e chatas.Conheci todos os tipos de habitantes.Quando surgia o assunto:”São Paulo”,todos falavam bem da minha cidade,a elogiavam e declaravam o quanto desejavam conhecer a “terra de concreto”,na visão deles.
Por conta do meu sotaque,jeito de vestir talvez,todos sabiam que eu poderia ser de todos os lugares,menos de Recife.Me diverti muito com a certeza que todos tinham de eu ser “turista”.
“Nessa terra voltarei ainda,para descobrir as tantas outras maravilhas...”


Felipe Lucchesi

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Virada Cultural 2009-São Paulo

Diante de tantos shows,espetáculos e passeios imperdíveis preparados especialmente para a Virada Cultural(que acontece em São Paulo e que acontecerá no Rio de Janeiro também a partir do próximo ano),resolvi fazer meu próprio mapa dos lugares que eu tinha que passar de qualquer forma.
Na primeira Virada Cultural que fui,acompanhei um show do Teatro Mágico.O grupo em si e o show que fazem é ótimo,mas a muvuca e confusão durante o show,não agradaram.No meu mapa portanto,não havia nenhum show(mesmo querendo muito ir ao show do Marcelo Camelo,mas já sabendo o que me esperava por lá:empurra-empurra,confusão,etc).
Da primeira fileira de um teatro localizado na Av.Paulista pude ver um ótimo concerto e depois fui a um centro cultural que no momento que cheguei,estava tendo uma apresentação de dança,com apenas garotas no grupo e uma ótima expressão corporal.
Sabendo por onde e como "trilhar" pelos lugares que estão disponíveis na Virada Cultural,não há aborrecimento,confusão e muito menos empurra-empurra e sim uma imensidão de boas oportunidades de conhecer pessoas talentosas e simpáticas,sendo as mesmas,artistas ou espectadores.


Felipe Lucchesi

Obs:Na foto você pode ver a Avenida Paulista em plena Virada Cultural.

sexta-feira, 1 de maio de 2009

Sai da frente !

Observando o trânsito de São Paulo e ao mesmo tempo,fazendo parte dele,é possível notar que motoristas:de ônibus,moto ou até mesmo bicicleta,têm uma ânsia de correr e de estar sempre em vantagem,em busca de menos tempo para chegar onde quer e mais espaço nas ruas.Quem nunca viu um carro em duas pistas ao mesmo tempo?Seria um carro obeso?Se fosse,acho que até respeitaria,mas não,aposto que era um carro como qualquer outro,com um motorista mal educado e sem noção das coisas.
A falta de respeito e consideração é absurda! No mesmo instante em que um motorista xinga uma mulher dirigindo,por mais que a mesma nem tenha feito barbeiragem,uma mulher se revolta com a barbeiragem de um homem e o xinga também.O motoqueiro discute com o motorista de ônibus e a ambulancia,viatura de polícia e corpo de bombeiro,fica perdida nessa muvuca toda,pedindo atenção e espaço para todos e com grande dificuldade consegue obter êxito nessa situação.
Acho que deveria ter uma pista especial para "carros especiais de emergência",que mesmo tendo sirenes ensurdecedoras,ainda não conseguem o respeito que deveriam receber.Por mais que sempre algum engraçadinho e dando um "jeitinho brasileiro" usasse essa pista(quem sabe recebesse multa se muitas coisas mudassem nesse país),ainda sim,seria de grande utilidade e necessidade.
Abra caminho para viaturas de polícia,corpo de bombeiros e ambulancia,quem sabe amanhã pode ser você à espera de alguma delas!


Felipe Lucchesi

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Guerra Santa

A Igreja Católica através do Papa Bento XVI,se pronuncia sobre vários assuntos e mais incorretamente sobre a epidemia da AIDS.Para uma população que faz com que cresça a cada ano o índice de AIDS no mundo inteiro e que tem cada vez mais jovens grávidas,a Igreja Católica age de uma forma displicente,ao afirmar que é contra a camisinha e que ela nada serve para combater a AIDS.Os bons resultados para a queda do índice de AIDS e gravidez de jovens,depende de muitas coisas mas principalmente,da consciência das pessoas,que tendo essa informação e apologia de certa forma diante delas, a não usarem camisinha,caminham para futuros índices ainda mais altos e para uma sociedade que se distancia de ter opinião formada e não influenciável.

No entanto surge a notícia...

Nesta quarta-feira, 01/04/2009, o Papa Bento XVI parou o mundo com um pronunciado Histórico e surpreendenteSegundo ele, a partir da presente data, a Igreja Católica e o Vaticano irão apoiar o uso de preservativos, como forma de prevenção de DSTS e controle de natalidade; o aborto, quando precedido de violência sexual; punirá todos os padres acusados de pedofilia e cessará todas as atitudes que encorajam a discriminação, o preconceito e o ódio, incluindo a centenária aversão aos homossexuais, incentivando inclusive que casais do mesmo sexo adotem crianças órfãs no mundo todo. Não se sabe se foi um sinal divino ou um momento de extrema lucidez, mas a verdade é que esta é a atitude mais corajosa e sensata da Igreja nos últimos 2000 anos.

A palavra falada nem sempre é a sentida não é mesmo?

Felipe Lucchesi

sábado, 18 de abril de 2009

Essa tal "sinceridade"

Você com certeza já deve ter muito ouvido falar:"eu sou sincero daqui,eu sou sincera acolá".Será que há um teste para saber se alguém de fato é sincero ou não?
Acredito que ainda não exista e enquanto isso não se torna real,alimentamos essa realidade com frases e sentimentos que dizem mais que qualquer teste.
Admiro muito a sinceridade,mas muitos ainda a confundem.Sinceridade há liberdade,mas também há limite.
Há quem considere que ser sincero é dizer tudo a todo tempo,o que ao meu ver está errado.Ao lidarmos com a nossa verdade e principalmente com a "verdade" dos outros,devemos ter a consciência que não devemos ser "escravos dessa tal sinceridade" e sim,colocá-la a nosso favor,até porque como sempre digo:"A sinceridade que te salva é a mesma que te mata".
Sejamos prudentes e respeitemos esse espaço entre a sinceridade declarada e a sinceridade "vomitada".Dependendo de suas palavras,você pode se tornar inimigo de si mesmo.

Felipe Lucchesi

domingo, 12 de abril de 2009

Vitória dos não fumantes !

Um dos dias tão esperados chegou:a lei antifumo foi aprovada na Assembléia Legislativa.Os fumantes ou "chaminés ambulantes" depositarão em breve(quando o governador José Serra também aprovar a proposta) a fumaça dos cigarros que fumam,em lugares específicos,ao invés de fazerem o mesmo,nos pulmões das pessoas que não fumam e que são obrigadas a inalar essa substância que só prejudica a saúde e que fumantes ao usarem,caminham para a "auto-destruição",por saberem das suas drásticas consequências.

Felipe Lucchesi

terça-feira, 7 de abril de 2009

Essa praia não te pertence mais !

Excelente iniciativa do prefeito João Paulo Tavares Papa que alterou a legislação municipal,proibindo animais a passearem pelas areias das praias de Santos(São Paulo),com exceção dos mesmos que fizerem o passeio no colo do dono.É de extrema necessidade que haja essa proibição,devido ao grande número de cães e gatos que fazem suas necessidades fisiológicas nas areias que todos pisam e têm contato direto,correndo o risco de terem sintomas prejudiciais a saúde.O lugar que é procurado para lazer,não pode ser mais um imã para problemas !

Felipe Lucchesi

quinta-feira, 2 de abril de 2009

Nudez no palco,dinheiro no bolso !

A nudez sempre foi vista com bons olhos por admiradores da Arte,mas num caminho oposto,diversos artistas seguem,ao colocarem a nudez em cima do palco com um único intuito:encher o bolso com dinheiro.A história sempre é a mesma !!!Colocam um ou mais atores(atrizes)em cena,sem roupa e com isso,na divulgação da peça(para jornais,tv,etc)o ator ou atriz (com mais fama), que é "destaque",prioriza a nudez,atraindo um público,não interessado em ver uma boa peça,história,bons atores,etc,e sim,para ver um "alguém" sem roupa.Acho que essa minoria de artistas,precisa buscar urgentemente o pensamento de que a nudez no palco é arte,mas não quando passa do limite e torna-se baixaria ou descartável.

Felipe Lucchesi

domingo, 29 de março de 2009

Premiados da Segunda MIOB



A primeira MIOB(Maratona Investigativa de Ótimos Blogs) surgiu de uma idéia que tive de homenagear os blogs e blogueiros que optam por manter a qualidade nesse meio de comunicação chamado blog,tão bem acolhido por diversas pessoas do Brasil e do Mundo inteiro.
Já está na segunda MIOB e como tudo muda,as regras para ela acontecer,também tinham que mudar não é mesmo?
As inscrições foram feitas,mas durante todo momento,os blogs que não se inscreveram e tão pouco souberam da Maratona,estavam sendo vigiados por nada menos e nada mais,que pelos queridos olheiros(caça talentos de blogs),que fiz questão de escolhe-los,para dessa forma,me ajudarem nessa procura incansável pela "nata" dos blogs e ampliando cada vez mais,a oportunidade de bons blogs e bons blogueiros surgirem através dessa homenagem e serem portanto,conhecidos pelas demais pessoas,que não querem apenas um layout bonito ou uma música legal num blog e sim querem conteúdo,que é de fato o que importa e que é o que faz qualquer leitor ficar feliz e satisfeito.

Olheiros-Caça Talentos de Blogs

Charlie
Edson


Junto com o Prêmio da Maratona,os ganhadores ainda terão o Prêmio:"Oscar da Internet",que chega para destacar essas estrelas e verdadeiros profissionais na arte de escrever e fazer pensar,seja através de um artigo,crônica,humor,etc.

As únicas regras desses dois prêmios são:

-Fale de quem você ganhou o prêmio.
-Indique quantos blogs quiser para receberem os prêmios e se quiser indicá-los(é claro).

Os Ganhadores

http://pontesoniricas.wordpress.com/
http://luadoantiquario.blogspot.com/
http://garotadocasacoverde.blogspot.com/
http://talitalitalita.blogspot.com/
http://rodrigoportuga.blogspot.com/
http://presentealimpo.blogspot.com/
http://lluaraq.blogspot.com/
http://retilineo.blogspot.com/
http://diariodopoetamorto.blogspot.com/
http://farmaceutiquinha.blogspot.com/
http://conversa-paralela.blogspot.com/
http://casadamangelli.blogspot.com/
http://futuca.zip.net/
http://noticiasidiotas.wordpress.com/
http://memyselfandtheinfinitesadness.blogspot.com/
http://capadechuva.blogspot.com/
http://lavabofeminino.wordpress.com/
http://juventudeempauta.blogspot.com/
http://intelectuais.blogspot.com/
http://www.cafehsemleite.blogspot.com/
http://divindadedoscrimes.blogspot.com/
http://lheofacker.blogspot.com/
http://martonolympio.blogspot.com/

Muito obrigado por todos os blogs inscritos e blogueiros-participantes,que colaboraram para mais esse sucesso,que está apenas no começo de um grande caminho,de reconhecimento de um meio de comunicação,que ainda(infelizmente) é visto como "entretenimento" apenas.


Felipe Lucchesi

segunda-feira, 9 de março de 2009

Segunda MIOB(Maratona Investigativa de Ótimos Blogs) do Na Mira do Felipe

Começa a partir de agora a segunda MIOB do Na Mira do Felipe.O critério básico para participar dessa maratona que dá prêmio aos melhores blogs,é claro que é ter um blog e preferencialmente um ótimo blog,para que assim,além de receber prêmio de Melhor Blog do Na Mira do Felipe receberá também diversas visitas de blogueiros e leitores que admiram um ótimo texto e o conjunto essencial,que torna um blog,um universo indispensável para ser acessado sempre.

Dicas para ter um ótimo blog:
1-Escreva textos da sua autoria e caso coloque textos da autoria de outros autores,sendo anônimos ou famosos,dê crédito a eles e faça comentários do que achou do texto.
2-Evite deixar a música rolar logo de cara quando alguém entra no seu blog.Além da pessoa correr o risco de se assustar,também corre o risco da música não agradar.
3-O visual do blog é muito importante ! Faça ele ser bonito,mas sem enche-lo de coisas e tornar tudo uma poluição visual,com cores berrantes,propagandas indesejadas ou emoticons infantis,românticos,etc.
Obs:Essas e algumas outras observações entrarão em ação,quando eu e olheiros(já já saberá mais sobre isso),fizermos visitas ao seu blog.Sempre atento blogueiro !!!


As novidades são que,além de os blogueiros poderem inscreverem seus blogs através dos comentários desse texto(logo ao final dele),receberão DOIS prêmios,que consagrarão o Blog realmente ESPETACULAR,com selos inéditos no “meio blogueiro”,que tende a se espalhar por todos os blogs bons do Brasil e do Mundo.Outra novidade que surge é que,foram escalados alguns olheiros de blogs,isso mesmo,caça talentos de blogs,que terão a difícil tarefa de achar blogs merecedores de prêmios e me ajudarem nessa investigação,que se estenderá até o dia 29/03,portanto,até dia 29/03 VOCÊS ESTÃO CONVIDADOS A SE INSCREVEREM NESSA MARATONA QUE COM CERTEZA SERÁ UM GRANDE SUCESSO,ASSIM COMO FOI A PRIMEIRA.CONTO COM A PARTICIPAÇÃO DE TODOS VOCÊS !
Para saber mais sobre o que é e como foi a Primeira MIOB,clique
aqui

IMPORTANTE:Mesmo os Blogs linkados ao meu,terão que se inscrever.

Será que seu blog está NA MIRA DO FELIPE?

Felipe Lucchesi

quinta-feira, 5 de março de 2009

As cidades panfletomaníacas

Não só a minha cidade(São Paulo),mas também muitas das que um dia já visitei,mesmo não sendo médico,descobri tal problema crônico e curável(por mais dificuldade que haja) as cidades enfrentam:panfletomania.
Esse problema é decorrente devido as tantas empresas que colaboram,para que suas marcas sejam exibidas,ao meu ver,nas calçadas da cidade,porque todos sabem que panfletos tem dois destinos apenas:ruas(as pessoas mal educadas não se importam em jogá-los em lugares públicos e inadequados) e lixo(pessoas bem educadas,os guardam e jogam fora assim que acham um lixo).
Com a área de publicidade crescendo cada vez mais e formando vários profissionais,será que essa forma menos pensada para fazer propaganda de algo,pode ser removida e através de uma forma bem pensada,que junte qualidade e respeito(tanto as pessoas quanto ao meio ambiente,porque afinal,todos nós nos sentimentos desrespeitados com essa poluição visual que enfrentamos dia-a-dia e também,pelo fato de termos que pegar dezenas,se não centenas,de panfletos que são distribuídos pela cidade)pode evoluir e ter como resultado,o verdadeiro dom de fazer propaganda,com uma cidade mais limpa à disposição e sem pessoas juntando panfletos por "obrigação"?

Felipe Lucchesi

domingo, 1 de março de 2009

A incrível façanha do “comentário xérox”

A façanha que algumas pessoas têm,seja por preguiça ou puro descaso,de comentar não comentando é bem antigo.Acredito que até tenha nascido com o (agora com folhas amareladas) caderno de perguntas,que não todas,mas muitas pessoas tiveram um dia pelo menos,na sua imensidão de infância ou adolescência.
Você que já respondeu um caderno desses ou já teve um e depois viu as respostas que amigos e familiares deixaram,sabe do que estou falando.Algumas pessoas comentam,não comentando,percebeu isso?! Eu explico melhor !!!Essas pessoas comentam uma simples pergunta,com uma resposta nada a ver com o assunto,parecendo que nem leram a pergunta,etc.
Isso acontece muito no mundo dos blogs.Alguns seres,entram no seu blog e fazem comentários que nada têm a ver com o assunto.No fundo,acho que eles leram o texto(pelo menos uma parte dele),mas o CTRL+V(famoso botão do computador de inserir textos prontos),fala mais alto e um simples comentário,opinião,acaba por virar um spam terrível em nível de qualidade e deprimente(em nível publicitário),quando quem comenta é também blogueiro e só faz isso para atrair leitores ao seu blog.A pergunta que fica é:Será que o blog de alguém que faz um comentário(spam) deve ser interessante e deve ser visitado?
Sempre avalio os comentários,antes de me arriscar a entrar em um blog.Vamos pensar juntos !Se alguém não se dá o trabalho de comentar dignamente,será que usa essa dignidade para escrever no seu blog?Quase certeza que não,o que nos leverá portanto,a um blog totalmente CTRL+V.
Eu quero conhecer pensamentos e opiniões novas e não uma “máquina” de xérox virtual.

Felipe Lucchesi

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Descontaminação do rio Tietê

A descontaminação do rio Tietê é uma meta sempre muito bem vista pelos paulistanos e por qualquer pessoa,mesmo não morando em São Paulo,que conhece os estragos da poluição que atinge esse rio e da poluição visual que acaba por atingir a cidade,além do mau cheiro e enchentes.
A previsão é de que até 2018,o rio esteja tão limpo quanto há tantos anos atrás,quando pessoas nadavam e passeavam de barco pelo mesmo rio Tietê,que hoje em dia,todos preferem passar o mais longe possível dele.
A descontaminação do rio,será apenas o começo de uma nova cidade,mas a conscientização das pessoas,de não repetirem os mesmos erros,de jogarem lixo nas ruas e em diversos lugares inadequados,parte para um nível mais avançado,onde todos sabem as consequências dessa atitude irresponsável na prática.
A volta de um rio limpo,quem sabe,será o começo de uma sociedade mais consciente.

Felipe Lucchesi

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Magia na passarela do samba/Selo











O Carnaval é a festa em que a criatividade reina,devido às tantas pessoas que são responsáveis durante todo o ano,para então em poucos dias de folia,mostrarem todo o trabalho que fizeram,com cada gota de suor e toda intensidade de dedicação,em cada centímetro de fantasia,carro alegórico e também em cada letra do enredo e cada sorriso escancarado para a multidão que acompanha encantada e que aplaude todo esse espetáculo,por mais que apenas poucos possam ser premiados,porém,todos são considerados vencedores,porque a medalha maior,é a felicidade de saber levar encanto para a passarela do samba.

Felipe Lucchesi


Prêmio:"Blog também é cultura" criado pelo Na Mira do Felipe,com o intuito de protestar contra a ideia de que blog é apenas mais uma ferramenta para entretenimento,futilidade,moda do momento,etc.



Blog é Cultura SIM !!!



Começa a partir de agora esse protesto,através desse selo que crio e que compartilho com os blogs linkados ao meu.Peguem o selo e espalhem essa ideia !!!


Agradecimento:Muito obrigado por todos os prêmios,que queridos blogueiros(as) de queridos blogs,entregaram para mim,premiando meu blog,

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Futebol-Quando a partida vira guerra

A violência nos estádios de futebol,é algo ainda marcante e infelizmente incontrolável até o momento.Quem gera a violência é a minoria,que se espalha no meio de uma verdadeira torcida(essa que não leva violência aos estádios de futebol) e portanto,dessa forma,acaba por penalizar todos,sendo do bem ou do mal e fazendo com que sejam punidos,tornando uma simples partida de futebol num conceituado estádio,um verdadeiro campo de guerra.Já foram muitas as tentativas para conseguir driblar toda essa violência,agora a última chance que resta,é impedir a torcida de assistir aos jogos nos estádios.

Felipe Lucchesi

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Sexta Feira 13-O dia questionável

Passa ano,entra ano e a famosa sexta feira 13 sempre é discutida por todos.Será que ela traz sorte ou má sorte?
Muitas pessoas juram que o número 13 sempre touxe muita sorte e que portanto,esse dia passa a ser um ótimo dia,com acontecimentos bons,porém,outras,afirmam que ele traz má sorte e algumas chegam ao extremo,de evitarem sair de casa.
É engraçado e ao mesmo tempo preocupante,essa mistura de lenda com falta de informação.Lembro até hoje,um dia quando fui para a escola e notei que poucos alunos estavam na sala.Não era greve e muito menos férias.

Depois fiquei sabendo que alguns meios haviam informado que há muito tempo,num passado distante,haviam previsto para aquela data,o fim do mundo.É evidente que todos queriam ir embora desse mundo,perto de pessoas queridas.
Que bom que o mundo não acabou naquele dia,porque me despedir do mundo,estando na escola,é o fim do mundo literalmente.

Felipe Lucchesi

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Trote do bem-Que mal tem?

Os famosos calouros sempre sofrem no primeiro dia de aula de faculdade,trote por estudantes que já estão há algum tempo na instituição.No começo dos tempos,essa era uma forma calorosa de recepcionar essas novas pessoas,no entanto,hoje em dia,os trotes abriram mão do bom senso e a humilhação tomou conta dessa brincadeira e momento especial, que depois de muitos planos e dias de estudo,num dia que mereceria ser comemorado,acaba sendo enfrentado com terror,devido a tamanha violência que existe nas pessoas e atos,que colaboram para essa brincadeira de “má fé” continuar a cada ano.
Sou totalmente a favor de qualquer tipo de brincadeira,desde que todos os participantes envolvidos concordem em brincar e principalmente,que todas as brincadeiras sejam agradáveis e tenham bom senso.Sou a favor do “Trote do bem”,trote esse que estudantes se reúnem e ao invés de participarem de um “show de horror”,organizam merecidamente um show de solidariedade,ajudando outras pessoas,instituições e começando dessa forma,mais uma fase da vida,que os fará ter uma carreira e serem responsáveis por determinada área,servindo a população.


Felipe Lucchesi

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Sim Senhor-O nome dele é Jim Carrey

Jim Carrey para mim sempre foi um ótimo sinal de que o filme que veria seria inesquecível,talvez nem tanto pela história,mas com certeza pela atuação desse excelente ator,que é bom não somente na comédia,como também no drama.
Vi o filme:”Sim,senhor” no cinema e achei muito divertido ! Ri muito e a platéia(muito especial),ajudou a levar o filme de uma forma diferente e original,continuando a levar humor(com conteúdo).
A reação de uma platéia num cinema não chega a ser tão a vontade digamos assim,como costuma acontecer num teatro,mas quando é,mostra o quanto o filme é bom e causa impacto,independente do gênero do filme e se a reação é boa ou ruim.
Esse mais novo filme de Jim Carrey que estréia no Brasil,está na lista dos seus melhores filmes !!!É ver para acreditar e principalmente...rir muito !

Felipe Lucchesi


domingo, 1 de fevereiro de 2009

Cota Racial-Solução ou Preconceito?

Hoje em dia,ainda colhemos e sofremos com os preconceitos que foram criados no século passado.O preconceito para com negros ainda existe,assim como o preconceito para com brancos também existe.São vários os preconceitos existentes nesse mundo “liquidificador”,que mistura raças e orientações sexuais,e que divide a sociedade de certa forma em “tribos”.
A cota para negros em faculdades e agora sendo planejada para entrar no mercado de trabalho,nada mais é que combater preconceito com preconceito.Uma das piores formas,diga-se de passagem.Sou totalmente contra essa idéia de cota racial.
Sou a favor da cota social,que abre espaço para pessoas com situação financeira desfavorecida,estudantes de escolas públicas por exemplo.
Fazer com que as vítimas de preconceito,seja qual ele for,terem privilégios(cotas),é mostrar para todos que vale a pena ser vítima nesse país,por maior humilhação que seja necessário passar.


Felipe Lucchesi

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Numa livraria com Mário Prata

O meu primeiro encontro com Mário Prata foi numa livraria.Não havíamos marcado data alguma,hora alguma,lugar algum e muito menos,nos conhecíamos.Nós dois preferimos,talvez,deixar a “coisa rolar”,como muitos dizem por aí.
Vendo um livro aqui e outro acolá,avistei certo livro jogado em uma parte da estante que dizia ser apenas para “livros estrangeiros”,mas o que será que aquele Mário Prata estaria fazendo lá?Peguei para devolvê-lo a estante certa,mas me deparei com seu título e me interessei.

Sempre gostei de crônicas,mesmo antes,de saber que crônicas se chamavam crônicas.A gente é assim,gosta de uma coisa mas nem a conhece muito bem.Não muito diferente de quando nos separamos depois de uma ficada ou namoro,e dependendo do caso,percebemos que nada perdemos e sim “nos livramos”,porque afinal,gente ruim é que nem macumba,tem que passar adiante.
Sem esquecer do assunto...estava muito curioso quanto ao conteúdo que logo viria quando eu abrisse aquele baú de histórias.É engraçado porque sempre leio a sinopse do livro e depois o final dele,mas nesse caso,aconteceu diferente.Tentei a sorte logo de cara,folheando o livro rapidamente e parando numa página qualquer.A crônica se chamava:”O criado-mudo”.Comecei,gostei e li até o seu fim. Achei uma visão tão espetacular,um texto tão leve mas com mensagens intensas e humor tão bom,que fiquei curioso em conhecer mais textos desse escritor e também de conhecer sobre sua carreira,etc.
Chegando em casa,liguei o computador e procurei seu nome.É evidente que não demorei nem um segundo para achar algo que falasse sobre ele.Melhor ainda.Achei o seu site pessoal e passei dessa forma a lhe conhecer melhor.
Sou caçador de bons e “novos” escritores,assim como sou de cantores,blogueiros,etc.Acho que muitas vezes olhamos e nos importamos tanto com “estrelas” do passado e esquecemos de fazer outras novas estrelas,começarem a brilhar.Para se construir um passado é necessário olhar para o presente !
Mário Prata apareceu na minha vida num momento inesperado e não demorou muito para eu considerá-lo de “ouro”.

Felipe Lucchesi

domingo, 25 de janeiro de 2009

São Paulo-Estou contigo!

Essa é a cidade que me acolheu e que me ensinou ao mesmo tempo, viver diante de tantas pessoas e tantas misturas de raças,culturas,etc.Fui da Avenida Paulista até a comunidade da Brasilândia e vi nesse caminho,que viemos e vamos embora da mesma forma,portanto,é falta de tempo cometermos o erro de termos preconceitos.
De frente ao Museu do Ipiranga,percebi que a história da cidade teve seus personagens principais no passado e que depende de cada um de nós,para ser um dos principais de sua história no futuro.
Acompanhei o movimento dos ciclistas nus,em plena Avenida Paulista pedindo respeito para com eles e milhares de gays,lésbicas,bissexuais,simpatizantes,etc,caminharem a mesma avenida numa grande festa e mostrando que por mais que enfrentem preconceito durante todo o ano,aquele dia,é todo deles e o restante,deve abrir espaço ou seguir o mesmo caminho,admirando a coragem e vontade de mudar a situação atual.
Respirando o ar puro do Parque do Ibirapuera,pensei na beleza que ainda há nessa cidade,que é considerada uma “cidade-asfalto”,mas que possui muito mais que isso.Essa cidade possui uma beleza exótica e moderna.
Conhecendo os cantos da cidade,vi a sua grandeza diante dos meus olhos e senti a sua intensidade,no meu coração.Sou paulistano com orgulho e não abro mão !


Felipe Lucchesi

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Blogs e Blogueiros

O Mundo dos Blogs está crescendo cada vez mais e alcançando os blogueiros,uma grande responsabilidade,porque afinal,todos do mundo têm acesso aos blogs e até o preferem para terem uma melhor leitura,porque blogs têm linguagem informal e única.A opinião dos mesmos não é influenciada por nenhum meio ou pessoa,assim como sabemos que acontece com emissoras de tv,rádios,sites,etc.
Fico muito feliz,por sempre descobrir excelentes blogueiros pelo Brasil e pelo mundo.Cada qual possui a sua maneira de envolver seus leitores e isso torna cada “universo.blog...”,um lugar especial e envolvente,que todos sempre voltam,porque são atraídos,assim como um imã.
Alguns profissionais acham que essa nova ferramenta,fez com que o jovem melhorasse a sua maneira de se expressar e outros no entanto,consideram mais um entrenenimento.Acho que não somente o jovem,mas as pessoas em si,independente da idade,com seus textos publicados nesse universo,ferramenta ou seja lá como possa ser considerado,faz com que as mesmas tornem suas opiniões e pensamentos livres,críticos e saudáveis,abrindo e desenvolvendo o poder de opinião alheia e havendo um respeito entre escritor e leitor,crítico e crítica,porque afinal,quem escreve o que quer,deve estar preparado para talvez ler o que não quer.
Nesses anos que tenho blog,ampliei muito a minha rede de amigos.Conheço gente de tudo que é canto desse país e até desse mundo.Com essa quebra de horizontes,tornamos o mundo da internet e principalmente dos nossos queridos blogs,uma única comunidade.


Felipe Lucchesi

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Obama-A História já contada?

Barack Obama agora já tem o seu poder e a esperança das pessoas por um país e mundo melhor,entra em ação com ainda mais força.Sentimento esse que todos nós já sentimos há anos atrás,quando o senhor Luiz Inácio Lula da Silva,foi eleito devido à sua boa biografia,pensamentos e promessas revolucionárias.Infelizmente tudo não passou de um efeito momentâneo.Espero que essa nova história que começa para os Estados Unidos,não seja com a mesma trajetória que tivemos.

Felipe Lucchesi

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Maysa-Homenagem Merecida

"Maysa-Quando fala o coração",sendo exibida atualmente na Rede Globo e com data próxima para acabar,está fazendo muito sucesso graças à atuação perfeita dos atores já conhecidos por nós,por outros trabalhos no meio artístico e tantos outros,que foram revelados.
Não conheci Maysa pessoalmente e confesso que antes da série ser exibida,nunca havia ouvido falar dela,mas a conhecendo dessa forma,através da sua história,contada através de um único olhar,pude descobrir uma mulher polêmica,que teve lá seus problemas e defeitos,mas que não deixou seus sonhos em nenhum momento em último plano.
Todas as músicas de sua autoria,que pude ouvir até agora,tem uma força incrível em cada palavra.Posso até afirmar,que essa força,faz a música virar uma "poesia-crônica".
Que tantos outros artistas e anônimos,que tiveram grandes histórias,venham a ser homenageados com essa grandiosidade de produção e também de atuação.



Felipe Lucchesi

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

BBB 9-A polêmica em jogo !









É evidente que o Big Brother Brasil 9 está na minha mira.Alguns considerando esse reality show muito bom e outros péssimo,escrevo aqui afirmando que ele não é bom e muito menos péssimo,na verdade,é uma mistura das duas coisas.
Há sim o seu lado:divertido,legal,onde podemos acompanhar o comportamento humano,etc.
Há também o seu lado não tão legal assim,quando é um pouco apelativo,sensacionalista,etc.
Gostei de algumas idéias que colocaram no jogo ! Uma delas é a Casa de Vidro,que juro para vocês que já tinha pensado nisso,mas não sendo apenas uma semana o tempo de convívio dentro da casa e sim durante todo o jogo.
Os participantes que estão dentro dessa casa de vidro,localizada num determinado shopping do Rio de Janeiro(porque se fosse em São Paulo já teria ido vê-la),estão tendo uma experiência parecida com a dos animais que ficam em exposição para serem comprados sabe??!A sensação não deve ser das melhores,mas o desafio em si é muito interessante !
Os programas já começaram a dar seus palpites de quem "promete" e de quais serão os primeiros eliminados.
Eu ainda não tenho nenhum participante preferido.Com o tempo,saberei identificar melhor quem é de verdade e quem é de "mentira.
Gostando ou não do Big Brother Brasil,cá entre nós,que é irresistível dar aquela espiada de vez em quando.
video

Felipe Lucchesi

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Terrorismo-A Guerra sem fim

O terrorismo em Gaza mostra o quanto o ser humano tende ainda a evoluir espiritualmente,deixando a ignorância de conseguir as coisas através da violência e a ganância por querer tudo o que na verdade pertence à todos.

Felipe Lucchesi

sábado, 10 de janeiro de 2009

Isso é Arte professora !

Certa vez,quando eu ainda estava no ginásio,fui entregar para a professora um trabalho que havia feito às pressas,admito,mas consegui fazê-lo da maneira certa para entregá-lo na data,agendada semanas antes.
A aglomeração para a entrega dos trabalhos era imensa.Comecei a observar a "obra de arte" de cada pessoa e percebi que a grande maioria havia feito no computador e eu estava ali,com meu simples trabalho,feito à mão mesmo.
Esse poderia ser um fator ao meu favor,no entanto,cara a cara com a professora,em frente a sua mesa,depois de toda a multidão ter saído e agora apenas alguns alunos estarem em volta,estendi minha mão e ela logo olhou para aquele pedaço de papel,com certa ironia.
Não entendi tal reação e falei:
-------Professora,esse é meu trabalho !
--------OK
Ela o pegou e começou a folheá-lo.Voltou para a capa e perguntou:
------O que é isso?
-------Ué professora,resolvi criar a minha arte na capa,já que o trabalho é de Artística.
Ela riu e disse:
------Isso não é arte !
A minha vontade naquele momento era responder para ela:
-------Olha aqui,só porque as tentativas que fez para ser artista foram um fracasso,não venha me desestimular a produzir minhas artes.
Depois disso,fiquei pensando em quantos alunos aquela professora com aquela mesma frase,poderia ter desestimulado à não investirem em suas artes e quantas professoras,que agem como ela,fazem a mesma coisa e tornam cada vez mais,a procura por bons artistas mais difícil,já que os mesmos,acham que não têm "talento".


Felipe Lucchesi

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Gratidão e Prêmios















Quero agradecer imensamente à todos os leitores desse blog,que fazem o mesmo valer a pena e me estimulam a querer escrever cada vez mais,nesse meu território tão íntimo mas sempre muito acolhedor e carente de pessoas boas e com conteúdo.
Quero também agradecer os blogs:Garota Pendurada,Ideais e Alucinações,Vazando Nóia,Oitentando,Olha que Maneiro e Surupanga News,que me entregaram tais prêmios,que me deixaram muito feliz é claro,mas principalmente satisfeito,pela "lição de casa" estar sendo feita a cada dia.
Tenho blog há mais ou menos desde o ano de 2002,mas apenas desde o ano passado,venho tendo esse retorno tão bom e aguardado de leitores e amigos blogueiros e blogueiras.

Tenho que indicar outros blogs não é mesmo?!
Vamos lá !!!

Prêmio Dardos(Primeiro Selo)-Indicações-







Prêmio Meme(Segundo Selo)-Indicações-







Prêmio(Terceiro Selo)-Indicações-








Prêmio Meme(Quarto Selo)-Indicações-








Para todos os outros,fica o recado de que a segunda MIOB(Maratona Investigativa de Ótimos Blogs) virá em breve !


Felipe Lucchesi

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

A censura é burra !

A censura ainda gera muita discussão e medo,por seu passado ter sido tão aterrorizante,sendo a violência a meta e não a opção,em último caso.
Alguns acreditam que ela nunca mais voltará,mas aos poucos ainda toma conta da nossa sociedade.
Beijos gays já foram cortados de cenas de novelas,emissora tomou partido de fazer propaganda eleitoral de determinado candidato e ajudá-lo a se eleger,entre outras coisas.
Quando fui ao cinema semana passada,vi o quanto a censura é burra e estamos dando voltas atrás de nós mesmos,assim como os cachorros fazem quando correm atrás do rabo.
O filme era de censura livre e no entanto quando o trailler de outros filmes começou a ser exibido na tela,todos os apresentados eram de censura para maiores de dezesseis anos,com cenas constrangedoras e inadequadas sendo exibidas para uma platéia onde a criançada estava presente.
A censura é burra !
Ela parece existir apenas para algumas pessoas com poder que vivem para provarem que existiram,assim como diz o querido Tom Zé em uma de suas músicas que tanto gosto.
Acho que a "censura" que devemos ter,deve ser aquela que cada indivíduo possui,ao saber o significado pessoal do que é certo e errado de ver,fazer,falar,etc.


Felipe Lucchesi

domingo, 4 de janeiro de 2009

Se eu fosse você 2-Ainda melhor !

Por ser o segundo filme,já esperava que fosse cair na lenda que diz que"sempre o segundo filme é pior que o primeiro".Resolvi ter a certeza com os meus próprios olhos,sem ler crítica,para ser tudo surpresa na hora.
Dessa vez a lenda foi por água abaixo,porque o filme é tão bom quanto o primeiro ou ainda melhor.A idéia é muito inteligente e o humor ainda mais.
No elenco,além da perfeita dupla composta por:Tony Ramos e Glória Pires,ainda conta com Chico Anysio e demais atores,que arrancam gargalhadas dos espectadores.
Para quem ainda não viu o primeiro filme:"Se eu fosse você",vale a pena vê-lo e agora ver a mais nova investida,que fiz questão de ver na sua estréia.


Felipe Lucchesi


quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

Novo Calendário

Hoje é o primeiro dia de um novo ano chamado 2009.Que nós sejamos bem vindos !
A minha festa de virada de ano foi muito legal ! Me diverti muito !!!!
O Blog passou por algumas mudanças e no decorrer do ano,passará por outras,sempre à procura de inovação,originalidade e qualidade.


Feliz 2009 para todos !!!!
Felipe Lucchesi